Guia de Propriedade em Espanha

Espanha é um dos 28 países que constituem a União Europeia e um dos 19 que integram a Zona Euro. Com um território com 505 370 quilómetros quadrados, Espanha é o quarto maior país do continente europeu, bem como um dos mais montanhosos, com uma altitude média de 650 metros acima do nível do mar. O país está dividido em Espanha continental, Ilhas Baleares (no Mar Mediterrâneo), Ilhas Canárias (no Oceano Atlântico) e Ceuta e Melilla (no norte da África). O território está organizado num total de 17 comunidades autónomas, 50 províncias, duas cidades autónomas (Ceuta e Melilla) e possui uma população total de cerca de 46,5 milhões de habitantes, de acordo com os censos de 2016.

Para o resto do mundo, as duas características mais atrativas de Espanha são as suas praias e a quantidade de sol que recebe cada ano. O país tem mais de 4 900 quilómetros de costa, mais de 2 500 horas de sol por ano, bem como um clima ameno durante a maior parte do tempo. Os únicos locais de Espanha a ter menos de 2 000 horas de sol por ano - as-sim como maior quantidade de precipitação do que o resto do país - são a costa da Cantábri-ca e as regiões montanhosas. Depois de França e dos EUA, Espanha é o terceiro país mais vi-sitado do mundo, tendo recebido 75,6 milhões de turistas em 2016, de acordo com dados da Organização Mundial do Turismo. O turismo constitui uma parte importante do PIB de Espanha (16%) e da indústria de construção (5,6%).

Melhores cidades em Espanha

Barcelona

Barcelona é a cidade ideal para investir, antes que o mercado imobiliário valorize novamente. Como o mercado imobiliário espanhol revela grande potencial de rentabilidade, os investidores sentemse atraídos pelas baixas taxas de juro e pela sólida economia de Barcelona. As residências novas são o investimento mais procurado e esperase que continuem a representar pelo menos 50% das transações do primeiro trimestre de 2018. Invista em propriedades Barcelona

Málaga

Ao adquirir um imóvel em Málaga, pode escolher entre vivendas fabulosas na costa, apartamentos à beira-mar ou apartamentos mais antigos e charmosos na zona histórica. Esta é uma excelente altura para comprar propriedades em Espanha. Após a crise do sector imobiliário, os preços caíram muito e só agora começam a recuperar novamente, disponibilizando oportunidades de investimento muito interessantes. Imóveis em Málaga

Alicante

Alicante é uma cidade mediterrânica que disponibiliza uma magnífica qualidade de vida, devido ao seu clima quente e solarengo, aos preços acessíveis, à gastronomia e à sua vasta oferta de lojas. Com um porto e praia, este é um destino muito atraente para estrangeiros e investidores, que procuram boas oportunidades de compra. Coincidindo com o aumento dos preços dos imóveis, Alicante é atualmente a quarta cidade mais lucrativa em Espanha. Mercado imobiliário de Alicante

A capital de Espanha

Quando falamos de Espanha, pensamos sobretudo em Barcelona, Marbelha ou Alicante como os principais destinos turísticos. No entanto, há mais locais a considerar para a sua mudança ou para comprar imóveis, tal como Madrid. Madrid está localizada no coração de Espanha sem acesso direto ao mar, mas tem muito para oferecer tanto aos turistas como aos trabalhadores estrangeiros. Madrid é o oitavo centro financeiro da Europa (a seguir a Londres, Frankfurt, Luxemburgo, Paris, Hamburgo, Dublin e Munique). Fala-se também da possibilidade da cidade se tornar no primeiro centro financeiro após o Brexit. Madrid também é mais barata do que Barcelona, San Sebastián e Vitória e tem verdadeiras pérolas quer no dia-a-dia, quer no imobiliário. Os preços de consumo em Madrid são 3,33% mais baixos que em Barcelona e há 17 restaurantes com estrelas Michelin em Madrid, em 2018. Quanto às oportunidades de compra de imóveis em Madrid, nós recomendamos que considere as casas recém-construídas (as novas construções tiveram um aumento de ~28% nos últimos anos) - está a ficar muito económico comprar casa em Madrid.

Saiba mais sobre Madrid Todas as propriedades de Madrid

Questões frequentes sobre a compra de imóveis em Espanha

Posso comprar imóveis em Espanha como estrangeiro? Existem alguns limites e o que é necessário?
Não existem limites para os não cidadãos comprarem imóveis em Espanha. Só precisa de ter todos os documentos traduzidos para disponibilizá-los ao Notário, ao Registo Predial e ao banco. Além disso, necessita obter um NIE (número de identificação pessoal) para concluir os negócios. A boa notícia é que conseguirá obter o estatuto de residente, se comprar um ou vários imóveis por 500 mil euros.
É possível adquirir um imóvel com um orçamento de 50 mil euros? Em que regiões tal será possível?
Poderá encontrar pequenos apartamentos em áreas turísticas, mas verifique tudo duas vezes para certificar-se que obtém aquilo por que pagou. Uma vez que os preços em Barcelona são bastante elevados, poderá procurar noutras cidades costeiras como Almeria, algumas áreas de Alicante e Múrcia, Castela ou Aragão. As casas mais baratas podem ser encontradas no interior como em Toledo, Albacete ou Cáceres.
Estou a comprar uma casa para os meus filhos irem para a escola de ténis, qual área devo considerar?
A área de Levante é famosa pelas suas escolas de ténis, assim como Barcelona, Valência e as Ilhas Baleares. Há várias academias e instalações para a prática desportiva. No caso de estar à procura de uma casa com acesso a um court de ténis, também há múltiplas opções disponíveis. Mas nós recomendamos que visite as regiões e que verifique essas escolas antes de comprar uma casa.
É verdade que as dívidas do imóvel são transferidas para o novo dono? Como posso evitá-lo?
É verdade, as dívidas estão associadas ao imóvel e, como tal, é crucial que consulte o Registo Predial, antes de assinar o contrato de venda, para certificar-se que não fica responsável pelas dívidas do anterior proprietário. Por cerca de 20 a 30 euros, poderá efetuar uma procura no registo predial e obter detalhes sobre quaisquer entraves legais da casa. Ou poderá contratar um advogado para lidar com esses assuntos.

Obtenha ajuda com uma agência local

Oriol Canal

Diretor Geral do Centro do Mercado Metropolitano da Engel & Völkers, Barcelona. Barcelona é uma cidade muito segura, com um clima ameno e agradável. É pioneira na educação e saúde. Possui um sistema de saúde de alta qualidade, que recebe pessoas do estrangeiro para tratamentos de oftalmologia. As clínicas públicas também são muito boas – até mesmo o Rei veio aqui para uma cirurgia!.. Read full story at Barcelona: entrevista com a agência

José Luis Pérez Cremades

Director General da Gilmar Praça da Porta do Sol, Calle Higueras, Calle Mayor, Praça do Oriente e a Gran Vía na baixa: estas são todas áreas da cidade onde existe uma extraordinária procura de investidores estrangeiros. Uma zona que é nova e muito popular é La Finca, que tem a melhor segurança de toda a Europa. Fica na área de Somosaguas e muitos artistas, como Alejandro Sanz, vivem lá... Read full story at Madrid: entrevista com Gilmar

(+34) 900 121 900

Casas para venda em Espanha